Out

Out

SEGUIDORES

...

...

quarta-feira, 11 de julho de 2012

Solitude

Solitude





Ando naqueles momentos introspectivos, em que olhar para dentro de si é a solitude mais bonita e sedutora do meu coração. É um momento só meu, em que eu me fascino com o universo que existe dentro de mim.

Cada pessoa possui um universo vastíssimo dentro de si, cada pessoa possui uma energia vital e uma força tão grande, mas tão escondida, que as tornam perdidas em si mesmas. E é essa a grande magia da vida: mergulhar dentro da própria alma e enxergar cada pedacinho dela. No começo, é uma confusão muito grande. Nada faz sentido, nada se encaixa. Mas com muita paciência e com aquela velha faxineira do coração chamada sabedoria, tudo passa a ser tão claro quanto um cristal.

Agora eu me inspiro em um cristal: deixo as energias fluirem, os sentimentos existirem. Enxergo claramente, com olhos limpos, todos os lados e todas as cores. Enxergo cada pessoa, cada ser vivo, cada pedacinho deste mundo. E valorizo-os desde o fundo do meu ser.

Porque cada pessoa possui um universo dentro de si. Cada pessoa faz algo tão bem, e com todo o coração, que isso a torna o ser mais iluminado do mundo. E cada pessoa é um pedaço da outra, como em um quebra-cabeça, onde cada pecinha precisa existir para o todo existir.

O mais bonito é que em cada átomo contém um universo, e o universo contém inúmeros átomos. Assim traz-se o princípio da correspondência entre o micro e o macro, e é assim que toda a humanidade precisa se ver: cada um é único e possui um universo dentro de si, mas todos somos uma unidade aos olhos do universo.

Um comentário:

  1. Oi Gabi, muito bonito esse seu texto.

    É incrível o dom que você tem de olhar para dentro de ti e transformar seus sentimentos em palavras.

    Espero ainda ler muitos outros textos seus.

    Bjos

    Lyon

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita!

Volte sempre

Um grande beijo da Gabi :)